Valquiria Mac-Dowell
Intercambios

BLOG

Destino Exótico

Quando se pensa em estudar inglês fora do país, Inglaterra, EUA, Austrália são os países mais disputados. Porem um destino praticamente desconhecido está se tornando moda:  Malta.

Trata-se de um pequeno arquipélago, situado no mar Mediterrâneo próximo a Sicilia, sul da Itália.    Paralelamente ao maltês, a língua das ruas, por ter sido uma colônia britânica até 1964 o inglês tornou-se a língua oficial.

Em 2004 ingressou na União Europeia e alguns anos depois entrou para o espaço Schengen e há quase 10 anos passou a ter o euro como moeda oficial.

A inclusão no bloco europeu ajudou o país a se tornar um destino mais conhecido e atraente para turistas e estudantes internacionais.  O país começou a ser visto como uma boa alternativa porque não exige visto para permanência até 90 dias e pelo baixo custo de vida.

O clima mediterrâneo agrada aos brasileiros: os verões são quentes e os invernos são amenos. E mesmo na estação mais fria do ano é possível tomar banho de mar.  São apenas 84 dias de chuva por ano.  Muitas de suas praias serviram como cenário para a série Game of Thrones.  Pena que uma de suas atrações turísticas mais famosa – a Azure Window, onde foi realizado o casamento de Daenerys Targaryen com Khal Drogo tenha desabadoem março deste ano devido a uma forte tempestade.

A praia de Blue Lagoon, em Comino é considerada uma das mais belas do arquipélago e a capital, Valeta, atrai visitantes graças aos seus imponentes palácios, catedrais e construções medievais.   Vários pontos turísticos são patrimônio da UNESCO, como os templos pré-históricos da ilha de Gozo.

O arquipélago é conhecido por suas águas cristalinas, grutas e cavernas. Museu a céu aberto, a história está em cada esquina, passando pelas catacumbas e templos pré-históricos, pela influência de fenícios, romanos, mouros e normandos até ser dominada pelos britânicos.

Mas para desfrutar das belezas de Malta é preciso estar consciente de algumas situações não tão atrativas:  o arquipélago não apresenta o mesmo grau de desenvolvimento de outros países da União Europeia e o sistema de transporte é deficiente.  Por sorte é uma país pequeno, fácil de percorrer a pé.

Durante o verão as cidades fervem, lotadas de estudantes e turistas e badalações  mas fora da alta estação as cidades são pacatas e vazias.  Mas para quem quer ter uma imersão no idioma, talvez seja a melhor época.

Os malteses são hospitaleiros e calorosos como os italianos mas às vezes fechados como os ingleses e franceses.

Enfim, Malta é aquele destino ideal para quem quer desfrutar de suas férias em um destino exótico e ao mesmo tempo dar uma reciclada no idioma. 

Quero receber mais informações